Os cinco elementos do Feng Shui

 5 elementos Feng Shui água metal terra fogo árvore

Equilíbrio e harmonia em espaços interiores

Por Paula Margarido, Architect Feng Shui Consultant, para a archready.com

O objectivo prioritário do Feng Shui consiste em encontrar um local que influencie positivamente a nossa saúde psíquica e física, assim como a nossa vida de um modo geral.

À medida que fui aprendendo Feng Shui e colocando em prática nos meus projectos de arquitectura e interiores, senti que cada vez mais a arte milenar do Feng Shui é essencial para criar equilíbrio e harmonia nos espaços interiores. Hoje em dia projectar casas com alma é uma das minhas prioridades.

Deixei de lado os ambientes monocromáticos e sem alegria e optei por ambientes em que a cor, as plantas naturais e flores, as velas, os acessórios decorativos e as imagens ou as telas “inspiradoras” fazem parte do projecto. Ou seja comecei a por em prática os cinco elementos do Feng Shui na arquitectura de interiores.

Também é importante salientar que podemos incentivar determinadas energias, como a energia dos relacionamentos, da fama e reconhecimento ou finanças através do Feng Shui e que os cinco elementos são a base da análise.

A teoria dos cinco elementos é uma das ferramentas essenciais no Feng Shui. Cada um dos cinco elementos descreve uma característica da energia chi que está ligada a um ponto cardeal ou a um sector. Os cinco elementos ou as cinco energias estão ligadas a formas, cores e materiais e podemos representá-los na sua casa e intensificar ou atenuar o seu efeito utilizando os vários elementos.

5 elementos feng shui terra metal água árvore fogoImagem: Paula Margarido – archready.com

Existem cinco elementos no Feng Shui que são: Água, Árvore (ou madeira), Fogo, Terra e Metal.




Água – a cor deste elemento é o azul-escuro ou preto e as formas são assimétricas e ondulantes. Os objectos associados a este elemento são fontes, aquários e espelhos e imagens ou pinturas com simbologia ligada à água: cascatas, praia, rios, lagos ou de Inverno.

Árvore – a cor deste elemento é o verde e as formas são rectangulares verticais. Os objectos associados a este elemento são plantas e flores naturais e os padrões com riscas verticais. As imagens ou pinturas com simbologia ligada ao elemento árvore são florestas, paisagens verdejantes ou de Primavera.

Fogo – a cor deste elemento é o encarnado e as formas são triangulares ou estrelas. Os objectos associados a este elemento são as velas e lareiras e os padrões pontiagudos. As imagens ou pinturas com simbologia ligada ao elemento fogo são imagens com fogo, nascer ou por do sol, cores quentes e garridas ou de Verão.

Terra – a cor deste elemento é o amarelo, o laranja ou castanho e as formas são rectangulares horizontais ou quadradas. Os objectos associados a este elemento são objectos de cerâmica ou de barro, azulejos, os tecidos e os padrões de xadrez. As imagens ou pinturas com simbologia ligada ao elemento Terra são imagens campestres, de naturezas mortas ou de fim de Verão.

Metal – a cor deste elemento é o branco ou cinza e as formas são ovais ou circulares. Os objectos associados a este elemento são objectos de metal, em inox, casquinha, ou estanho e os padrões com formas circulares. As imagens ou pinturas com simbologia ligada ao elemento Metal são imagens minimalistas ou de Outono.

As relações entre os cinco elementos são caracterizadas através de duas correntes de energia: o círculo produtivo e o ciclo de controlo.

No ciclo produtivo cada elemento gera o elemento seguinte, assim a água alimenta a árvore, a árvore alimenta o fogo, o fogo alimenta a terra e a terra alimenta o metal, por fim o metal alimenta a água e fecha o ciclo.

No ciclo destrutivo ou de controlo o decurso da energia decorre de forma inversa ao ciclo produtivo.

Também há o ciclo de desgaste – a árvore seca a água, o fogo queima a árvore, a terra abafa o fogo, a terra reduz o metal e o metal drena a água.

tabela 5 elementos Feng Shui terra metal água árvore fogoImagem: Paula Margarido – archready.com

Um exemplo prático: vamos supor que tem um quarto de crianças situado a Sul, que poderá ser demasiado quente e activo. Pode equilibrar a energia do quarto usando o elemento terra, usando padrões de xadrez, pintar as paredes de amarelo claro; ou seja estamos a “acalmar o fogo” usando o elemento terra, ciclo de desgaste.

Outro exemplo são as cozinhas que englobam dois tipos de energia – fogo e água – que pertencem a elementos incompatíveis, pelo que é necessário harmonizar o ambiente.

Nas cozinhas situadas a sul podemos utilizar elementos da energia árvore (plantas verdes) para harmonizar a água e o fogo e também colocar elementos terra, para drenar o excesso de fogo, usando acessórios em porcelana e optar por azulejos de cor amarela.

Se a cozinha se situar a Sudoeste devemos usar elementos metal para harmonizar a energia terra com a água. Ou seja usamos o elemento intermédio (metal) para fazer a harmonização.

O ideal é na decoração dos vários espaços interiores, sejam salas, quartos ou escritórios usarmos os cinco elementos para criar harmonia. Sempre que possível substitua os materiais sintéticos por fibras naturais e utilize plantas naturais e cristais na decoração.

Fonte: www.pt.archready.com by Paula Margarido

 

 

 

You may also like...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *